BLOG CARGO MODAL

Caoa quer fazer caminh„o Hyundai na f·brica da Ford

Caoa quer fazer caminh„o Hyundai na f·brica da Ford

Em negociaÁıes avanÁadas para comprar a f·brica da Ford em S„o Bernardo do Campo, no ABC paulista, o Grupo Caoa pretende produzir no local, alÈm dos caminhıes leves da marca norte-americana, modelos pesados da linha Xcient, da coreana Hyundai, segundo fontes ligadas ‡ negociaÁ„o.

O mais cotado para ser o primeiro produto dessa nova fase È o cavalo mec‚nico P440. Ele disputaria mercado com modelos da Mercedes-Benz, Scania e Volvo, entre outras marcas.

H· tempos a Caoa estuda a viabilidade de produzir caminhıes semipesados e pesados no Brasil. O grupo j· fabrica os leves HR e HD80 em An·polis (GO). Recentemente circularam na internet fotos de unidades do Xcient P440 e do leve Mighty no p·tio no qual a Caoa movimenta veÌculos importados na cidade goiana.

A possibilidade da compra da f·brica da Ford, portanto, surgiu como uma soluÁ„o sob medida para os planos da empresa. Ao concretizar o negÛcio, o grupo pode transformar a f·brica do ABC em uma plataforma de exportaÁ„o da linha de caminhıes da Hyundai.

Na regi„o

AlÈm de atender ao mercado brasileiro, a f·brica poder· fornecer caminhıes para outros paÌses da AmÈrica do Sul. Os modelos Hyundai Xcient j· s„o vendidos no Uruguai e no Paraguai, paÌses com os quais o Brasil mantÍm acordos de comÈrcio livre de impostos.

Produzir veÌculos de marcas distintas em uma mesma f·brica n„o ser· novidade para a Caoa. Em An·polis, o grupo j· fabrica os SUVs ix35 e Tucson, da Hyundai, alÈm do Tiggo 5x e Tiggo 7 da marca Caoa Chery, criada apÛs a empresa brasileira adquirir o controle da operaÁ„o local da companhia chinesa.

O negÛcio incluiu tambÈm o comando da f·brica erguida pela Chery em JacareÌ (SP). L·, a Caoa Chery fabrica o subcompacto QQ, o sed„ Arrizo 5 e o SUV compacto Tiggo 2.

AlÈm disso, a Caoa È importadora dos automÛveis feitos na Coreia do Sul pela Hyundai, como o sed„ Elantra e o SUV Santa FÈ. TambÈm detÈm a importaÁ„o dos japoneses da Subaru.

A linha de caminhıes Xcient foi lanÁada na Coreia do Sul em 2013. Inicialmente, o objetivo da Hyundai era atender paÌses europeus, alÈm do mercado domÈstico. Mas o plano foi expandido e a marca j· est· presente em paÌses do Mercosul.

Se forem mesmo oferecidos no Brasil, os caminhıes da marca sul-coreana enfrentar„o rivais consolidados. Entre os principais est„o a linha Atego, da Mercedes-Benz, no caso dos semipesados, e FH, da Volvo, entre os pesados.

A investida mira oportunidades de negÛcios no Brasil e no exterior. O grupo liderado pelo empres·rio Carlos Alberto de Oliveira Andrade deve assumir o controle da f·brica de S„o Bernardo em dezembro. Em julho de 2020 entrar· em vigor o acordo de livre comÈrcio de caminhıes e Ùnibus entre Brasil e MÈxico.

Diferentemente dos automÛveis, em que o MÈxico leva vantagem, nos caminhıes È o Brasil que se sobressai. Volvo e Mercedes-Benz, por exemplo, fabricam no PaÌs produtos com o mesmo nÌvel de tecnologia e sofisticaÁ„o das matrizes na Europa.

FONTE: Jornal O Estado de S. Paulo via Portal de NotÌcias Infomoney

  • 11/04/2019
  • Por Comunicação
Novidades em seu email:

Compreendo e aceito que os meus dados serão guardados de forma segura de acordo com a Política de Privacidade.

Ao navegar em nosso site você concorda com nossa Política de Privacidade. Ok